Copa do Mundo da FIFA Sub-17 Brasil 2019™

Copa do Mundo da FIFA Sub-17 Brasil 2019™

26 de outubro - 17 de novembro

Copa do Mundo Sub-17 da FIFA

Lihadji planeja um encontro especial com a Espanha

France Isaac Lihadji celebrates - FIFA U-17 World Cup Brazil 2019
© Getty Images
  • França e Espanha se enfrentam nas quartas de final do Mundial
  • O lateral francês Isaac Lihadji não quer perder esse encontro
  • Lihadji já perdeu uma oportunidade no futebol espanhol há seis anos

França x Espanha é um verdadeiro clássico do futebol europeu e mundial. Os dois países já se encontraram em diversas ocasiões, em todas as categorias de idade, nas edições de 1984, 2000 e 2012 da Eurocopa e e na Copa do Mundo da FIFA 2006. Agora, mais um duelo está marcado para acontecer em Goiânia, pelas quartas de final da Copa do mundo Sub-17 da FIFA Brasil 2019.

"É sempre uma partida emocionante de se disputar", confirma o lateral da seleção francesa, Isaac Lihadji, em entrevista ao FIFA.com. "A equipe da Espanha dispensa apresentações. É um país com tradição do futebol. Mas vamos encarar essa partida como encaramos as outras, sem colocar ainda mais pressão. Até o momento, isso funcionou desde o início."

A aparência é de tranquilidade, mas as expectativas para o confronto devem balançar o lateral francês. Afinal, a partida terá um sabor especial para o jovem jogador do Olympique de Marselha.Há muito que os espahóis são uma obsessão para ele, assim como uma grande desilusão.

"É um país de que eu sempre gostei, adoro a maneira como se joga futebol na Espanha", diz Lihadji. "Quando eu era criança, sonhava em assinar com o Barcelona. Estive muito perto de concretizar esse sonho em 2013, mas acabou não acontecendo." De fato, enquanto ele se preparava para dar continuidade à sua formação na academia do clube, Lihadji sofreu uma fratura da tíbia que o deixou longe dos gramados durante meses.

"Aquilo foi difícil na hora, mas é algo que já deixei para trás", explica. "Não tenho arrependimentos. Hoje estou muito feliz na minha vida, em Marselha." O Olympique tenta fazer de tudo para que ele realmente esteja satisfeito, inclusive lhe oferencendo um contrato profissional,

Consciente de ter nas mãos um diamante bruto, o técnico André Villas-Boas lhe ofereceu até mesmo uma oportunidade no Campeonato Francês. Mas, no momento, Lihadji só tem cabeça para o Brasil.

"Participar dessa Copa do Mundo é a realização de um sonho". admite. "Mas eu tenho um sonho ainda maior na minha cabeça: ser campeão do mundo. No momento, estamos tentando fazer com que a aventura não vire um pesadelo, e para isso é preciso ganhar os jogos."

Um de três indispensáveis

A aventura segue de vento em popa. Afinal, a França venceu todos os seus jogos até aqui. Parte desse desempenho se deve a Lihadji, que marcou dois gols e deu o passe para outro, impressionando por sua velocidade e sua técnica pela ala direita. Ele também é um dos três jogadores da seleção francesa, ao lado do goleiro Melvin Zinga e do capitão Lucien Agoumé, a estar presente na escalação inicial de todos os jogos da competição. Ele deve ser escalado mais uma vez contra a Espanha, que promete não facilitar a vida de Lihadji e dos seus companheiros.

"O Isaac é um excelente jogador, e demonstrou isso na Euro Sub-17", lembra o atacante espanhol Pablo Moreno. "A França é um adversário com o qual estamos familiarizados. Estamos treinando para estarmos prontos para enfrentar todas as equipes, mas sabemos que as partidas contra a França geralmente são ricas em intensidade e espetáculo."

Explore esse tópico

Matérias recomendadas