• Turkey 2013

    • Campeão: França
    • Vice-campeão: Uruguai
    • Terceiro: Gana
    • Quarto: Iraque
    • Bola de Ouro adidas: Paul POGBA (FRA)
    • adidas Chuteira de Ouro : Ebenezer ASSIFUAH (GHA)
    • Luva de Ouro adidas: Guillermo DE AMORES (URU)
    • Prêmio FIFA Fair Play: Espanha
  • Colômbia 2011

    • Campeão: Brasil
    • Vice-campeão: Portugal
    • Terceiro: México
    • Quarto: França
    • Bola de Ouro adidas: HENRIQUE (BRA)
    • Chuteira de Ouro adidas: HENRIQUE (BRA)
    • Luva de Ouro adidas: MIKA (POR)
    • Prêmio FIFA Fair Play: Nigéria
    Oito anos depois do último título, o Brasil conquistou a sua quinta estrela no Sub-20. O torneio entrou para a história com um novo recorde de público. Portugal, México e França completaram os quatro primeiros
  • Egito 2009

    • Campeão: Gana
    • Vice-campeão: Brasil
    • Terceiro: Hungria
    • Quarto: Costa Rica
    • Bola de Ouro adidas: Dominic ADIYIAH (GHA)
    • Chuteira de Ouro adidas: Dominic ADIYIAH (GHA)
    • Luva de Ouro adidas: Esteban ALVARADO (CRC)
    • Prêmio FIFA Fair Play: Brasil

    O torneio testemunhou a quebra de diversos recordes e a entrada de Gana para a história como o primeiro país africano a vencer a Copa do Mundo Sub-20 da FIFA, depois de uma eletrizante decisão por pênaltis diante do Brasil.

  • Canadá 2007

    • Campeão: Argentina
    • Vice-campeão: República Tcheca
    • Terceiro: Chile
    • Quarto: Áustria
    • Bola de Ouro adidas: Sergio AGUERO (ARG)
    • Chuteira de Ouro adidas: Sergio AGUERO (ARG)
    • Prêmio FIFA Fair Play: Japão

    Pela segunda vez consecutiva, a Argentina se sagrou campeã da Copa do Mundo Sub-20 da FIFA, após um mês de quebra de recordes e futebol deslumbrante no Canadá, liderado pelo artilheiro Sergio Agüero.

  • Holanda 2005

    • Campeão: Argentina
    • Vice-campeão: Nigéria
    • Terceiro: Brasil
    • Quarto: Marrocos
    • Bola de Ouro adidas: Lionel MESSI (ARG)
    • Chuteira de Ouro adidas: Lionel MESSI (ARG)
    • Prêmio FIFA Fair Play: Colômbia

    Depois de tropeçar na estreia diante dos Estados Unidos, a Argentina se reergueu e conquistou o seu quinto título da Copa do Mundo Sub-20 da FIFA com a ajuda do garoto-prodígio Lionel Messi, que se tornou o mais novo queridinho do futebol mundial.

  • Emirados Árabes Unidos 2003

    • Campeão: Brasil
    • Vice-campeão: Espanha
    • Terceiro: Colômbia
    • Quarto: Argentina
    • Bola de Ouro adidas: ISMAEIL MATAR (UAE)
    • Chuteira de Ouro adidas: Eddie JOHNSON (USA)
    • Prêmio FIFA Fair Play: Colômbia

    As temporadas de 2002 e 2003 terminaram em grande estilo para os brasileiros, que conquistaram o tetra no Mundial Sub-20, o título do Sub-17 na Finlândia e a Copa do Mundo da FIFA 2002.

  • Argentina 2001

    • Campeão: Argentina
    • Vice-campeão: Gana
    • Terceiro: Egito
    • Quarto: Paraguai
    • Bola de Ouro adidas: Javier SAVIOLA (ARG)
    • Chuteira de Ouro adidas: Javier SAVIOLA (ARG)
    • Prêmio FIFA Fair Play: Argentina

    Com um 3-5-2 bastante flexível, a seleção de José Pekerman foi a grande campeã, após uma brilhante campanha com 100% de aproveitamento.

  • Nigéria 1999

    • Campeão: Espanha
    • Vice-campeão: Japão
    • Terceiro: Mali
    • Quarto: Uruguai
    • Bola de Ouro adidas: Seydou KEITA (MLI)
    • Chuteira de Ouro adidas: PABLO (ESP)
    • Prêmio FIFA Fair Play: Croácia

    A seleção espanhola pôs um ponto final na supremacia sul-americana na Copa do Mundo Sub-20 da FIFA. Nas três edições anteriores, o Brasil e a Argentina haviam dividido os títulos.

  • Malásia 1997

    • Campeão: Argentina
    • Vice-campeão: Uruguai
    • Terceiro: República da Irlanda
    • Quarto: Gana
    • Bola de Ouro adidas: Nicolas OLIVERA (URU)
    • Chuteira de Ouro adidas: ADAILTON (BRA)
    • Prêmio FIFA Fair Play: Argentina

    Comandada por José Pekerman, a Argentina conquistou na Malásia o segundo título consecutivo da Copa do Mundo Sub-20 da FIFA depois de bater Hungria, Canadá, Inglaterra, Brasil, Irlanda e Uruguai. Com uma excelente qualidade técnica e uma estratégia impecável, os argentinos praticaram um 3-5-2 que facilitou o ataque pelas laterais e fechou bem a marcação nos contra-ataques adversários.

  • Catar 1995

    • Campeão: Argentina
    • Vice-campeão: Brasil
    • Terceiro: Portugal
    • Quarto: Espanha
    • Bola de Ouro adidas: CAIO (BRA)
    • Chuteira de Ouro adidas: Joseba ETXEBERRIA (ESP)
    • Prêmio FIFA Fair Play: Japão

    Dezesseis anos depois que Maradona e companhia conquistaram a Copa do Mundo Sub-20 da FIFA 1979, a Argentina voltou a montar uma seleção de talento. O grupo de 1995 podia até ser menos brilhante, mas a seleção de José Pekerman se defendia bem, criava boas jogadas e era taticamente madura.

  • Austrália 1993

    • Campeão: Brasil
    • Vice-campeão: Gana
    • Terceiro: Inglaterra
    • Quarto: Austrália
    • Bola de Ouro adidas: ADRIANO (BRA)
    • Chuteira de Ouro adidas: Henry ZAMBRANO (COL)
    • Prêmio FIFA Fair Play: Inglaterra

    O Brasil se tornou a primeira seleção a conquistar três títulos do Campeonato Mundial de Juniores da FIFA, depois dos triunfos de 1983 e 1985. Além disso, acabou com os oito anos de domínio europeu e levou o troféu de volta à América do Sul.

  • Portugal 1991

    • Campeão: Portugal
    • Vice-campeão: Brasil
    • Terceiro: União Soviética
    • Quarto: Austrália
    • Bola de Ouro adidas: PEIXE (POR)
    • Chuteira de Ouro adidas: Sergei SHERBAKOV (URS)
    • Prêmio FIFA Fair Play: União Soviética

    Jogando em casa, Portugal montou outra seleção de talento e manteve o título do Mundial de Juniores da FIFA, que havia conquistado dois anos antes. Hoje, analisando a escalação portuguesa, não é difícil de entender o porquê daquela campanha vitoriosa.

  • Arábia Saudita 1989

    • Campeão: Portugal
    • Vice-campeão: Nigéria
    • Terceiro: Brasil
    • Quarto: EUA
    • Bola de Ouro adidas: BISMARCK (BRA)
    • Chuteira de Ouro adidas: Oleg SALENKO (RUS)
    • Prêmio FIFA Fair Play: EUA

    Com Valido comandando as ações no meio-de-campo, Jorge Couto e João Pinto oportunistas no ataque e jogadas velozes nas laterais, os portugueses se mostraram imbatíveis. Pela primeira vez na história, Portugal conquistou o Campeonato Mundial de Juniores da FIFA.

  • Chile 1987

    • Campeão: Iugoslávia
    • Vice-campeão: Alemanha Ocidental
    • Terceiro: Alemanha Oriental
    • Quarto: Chile
    • Bola de Ouro adidas: Robert PROSINECKI (CRO)
    • Chuteira de Ouro adidas: Marcel WITECZEK (GER)
    • Prêmio FIFA Fair Play: Alemanha Ocidental

    O Campeonato Mundial de Juniores da FIFA 1987 foi conquistado pela formidável seleção da Iugoslávia. Comandada pelo técnico Mirko Josic, a talentosa garotada mereceu o troféu após brindar o público com um belo e eficiente futebol durante toda a competição.

  • União Soviética 1985

    • Campeão: Brasil
    • Vice-campeão: Espanha
    • Terceiro: Nigéria
    • Quarto: União Soviética
    • Bola de Ouro adidas: SILAS (BRA)
    • Chuteira de Ouro adidas: Sebastian LOSADA (ESP)
    • Prêmio FIFA Fair Play: Colômbia

    O Brasil se tornou o primeiro país a vencer duas edições seguidas do Campeonato Mundial de Juniores da FIFA ao triunfar na União Soviética em 1985. Mais uma vez, a arte e a superioridade tática da seleção verde-amarela encantaram o público e levaram as defesas adversárias à loucura.

  • México 1983

    • Campeão: Brasil
    • Vice-campeão: Argentina
    • Terceiro: Polônia
    • Quarto: Coreia do Sul
    • Bola de Ouro adidas: GEOVANI (BRA)
    • Chuteira de Ouro adidas: GEOVANI (BRA)
    • Prêmio FIFA Fair Play: Coreia do Sul

    Imbatível nas eliminatórias sul-americanas com seis vitórias e um empate, o Brasil confirmou o favoritismo e venceu o Mundial de Juniores de 1983 no México.

  • Austrália 1981

    • Campeão: Alemanha Ocidental
    • Vice-campeão: Catar
    • Terceiro: Romênia
    • Quarto: Inglaterra
    • Bola de Ouro adidas: Romulus GABOR (ROU)
    • Chuteira de Ouro: Mark KOUSSAS (AUS)
    • Prêmio FIFA Fair Play: Austrália

    Uma seleção eficiente e organizada no melhor estilo alemão conquistou o título do Campeonato Mundial de Juniores da FIFA na Austrália, em 1981, ao derrotar na final a surpreendente seleção do Catar, dirigida pelo brasileiro Evaristo de Macedo.

  • Japão 1979

    • Campeão: Argentina
    • Vice-campeão: União Soviética
    • Terceiro: Uruguai
    • Quarto: Polônia
    • Bola de Ouro adidas: Diego MARADONA (ARG)
    • Chuteira de Ouro: Ramon DIAZ (ARG)
    • Prêmio FIFA Fair Play: Polônia

    Com um futebol de passes curtos e rápidos, a Argentina não deu chances aos adversários e foi uma seleção imbatível no Mundial de Juniores de 1979.

  • Tunísia 1977

    • Campeão: União Soviética
    • Vice-campeão: México
    • Terceiro: Brasil
    • Quarto: Uruguai
    • Bola de Ouro adidas: Vladimir BESSONOV (RUS)
    • Chuteira de Ouro: QUINA (BRA)
    • Prêmio FIFA Fair Play: Brasil

    O primeiro Campeonato Mundial de Juniores da FIFA foi vencido por uma organizada e às vezes brilhante seleção soviética.

Torneios
FIFA U-20 World Cup Final Todas as edições