Parabéns a você!
© AFP

Apresentamos os grandes nomes do mundo da bola que comemoram seus aniversários ao longo da semana, com destaque para o holandês Rafael Van de Vaart, o artilheiro uruguaio Edinson Cavani e o goleiro italiano Angelo Peruzzi.

10/02 — Cat Whitehill (31) ajudou a deixar os Estados Unidos na terceira colocação em duas edições consecutivas da Copa do Mundo Feminina da FIFA: EUA 2003 e China 2007. Além disso, conquistou a medalha de ouro no Torneio Olímpico de Futebol Feminino em Atenas 2004. Assim como diversas outras estrelas americanas, iniciou a carreira pelo North Carolina Tar Heels. Em seguida, defendeu Washington Freedom e Atlanta Beat antes de assinar, na temporada passada, com o Boston Breakers.

 

11/02 — Rafael Van der Vaart (30) vem sendo há vários anos um dos principais jogadores da seleção holandesa graças à sua liderança no meio-campo. Após ter participado da Copa do Mundo da FIFA Alemanha 2006, chegou ao vice-campeonato quatro anos depois, na África do Sul 2010. Quando mis jovem, disputou a Copa do Mundo Sub-20 da FIFA Argentina 2001. Nas últimas três edições da Euro, atuou em nove partidas e marcou um gol. Viveu momentos de glória desde muito cedo, quando fazia parte do elenco memorável de um Ajax bicampeão holandês e campeão da Copa e da Supercopa da Holanda. Depois de passar seis temporadas no clube de Amsterdã, transferiu-se para o Hamburgo e se sagrou bicampeão da Copa Intertoto. Sua passagem pelo Real Madrid lhe permitiu acrescentar ao currículo a Supercopa da Espanha, mas acabou assinando com Tottenham dois anos mais tarde. No início desta temporada, retornou ao Hamburgo.

12/02 — Nicolas Otamendi (25) foi convocado para defender a Argentina na Copa do Mundo da FIFA África do Sul 2010 e tem tudo para repetir o feito no Brasil 2014. Iniciou a carreira profissional pelo Vélez Sarsfield, clube com o qual foi campeão argentino e de onde saiu para defender o FC Porto após o Mundial disputado em solo africano. Nas duas primeiras temporadas com os dragões, acumulou dois títulos do Campeonato Português, um da Copa e da Supercopa de Portugal e, mais notoriamente, um da Liga Europa.

13/02 — Mahmoud Fathallah (31) escreveu seu nome na história do futebol egípcio ao faturar duas edições da Copa Africana de Nações, em Gana 2008 e Angola 2010, e ao ter disputado a Copa das Confederações da FIFA África do Sul 2009. Fathallah é uma das principais peças do sistema defensivo da seleção egípcia e atualmente luta para conquistar uma das vagas africanas para a Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014, realizando assim o sonho de toda uma nação. Após dar seus primeiros chutes como profissional pelo Ghazl el-Mehalla, transferiu-se para o Zamalek, onde se tornou titular absoluto, conquistando a Copa do Egito em 2008.

14/02 — Edinson Cavani (26) deu muito o que falar em suas últimas temporadas, encontrando o caminho do gol contra quase todos os seus adversários, mesmo aqueles cotados como grandes. Com o selecionado do Uruguai, disputou a Copa do Mundo Sub-20 da FIFA Canadá 2007 antes de defender a seleção principal no Mundial da África do Sul 2010, quando ficou entre os quatro melhores colocados, e conquistar com o país a Copa América 2011, confirmando todo o seu talento. Cavani disputou também o Torneio Olímpico de Futebol em Londres 2012. Iniciou a carreira pelo Danubio, onde foi campeão uruguaio antes de se transferir para o Palermo. Na Sicília, acabou chamando a atenção de grandes clubes e acabou escolhendo as cores do Napoli. Logo na primeira temporada, ajudou a equipe a figurar entre os primeiros colocados do Campeonato Italiano, conquistando a Copa da Itália na temporada passada e sagrando-se artilheiro da competição.

15/02 — Philipp Degen (30) participou da Copa do Mundo da FIFA Alemanha 2006 com o combinado da Suíça, tendo atuado também na Euro Sub-21.  Iniciou a carreira profissional pelo Basel, sagrando-se tricampeão suíço e bicampeão da Copa da Suíça. Tentou a sorte também fora do país, defendendo as cores de Borussia Dortmund, Liverpool e Stuttgart antes de retornar ao clube que o revelou e faturar seu quarto título do nacional.

16/02 — Angelo Peruzzi (43) marcou a seleção italiana durante os anos 90 e o início do novo milênio. Finalizou sua longa carreira de jogador da melhor forma possível, conquistando a Copa do Mundo da FIFA Alemanha 2006. Em âmbito continental, disputou a Euro 1996. Foi com a Roma que fez suas primeiras defesas, passando uma temporada no Verona por empréstimo. Em seguida, decidiu fazer as malas para Turim, onde ajudou a Juventus a acumular diversos títulos: três do Campeonato Italiano, um da Copa da Itália e dois da Supercopa da Itália em âmbito nacional; e um da Copa da UEFA, da Supercopa da UEFA, da Liga dos Campeões da UEFA e da Copa Intercontinental em âmbito continental e mundial. Após passagem pela Inter de Milão, voltou à capital italiana para defender a Lazio, clube com o qual faturou a Copa e a Supercopa da Itália antes de pendurar as luvas.