Parabéns a você!
© AFP

O FIFA.com parabeniza grandes nomes do futebol que fazem aniversário na semana que se inicia. Entre eles estão Juninho Pernambucano, ídolo das torcidas de Sport e Vasco, o artilheiro argentino Gabriel Batistuta e o campeão mundial Gerard Piqué.

27/01 — Gustavo Munúa (35) defendeu a meta uruguaia durante a Copa do Mundo Sub-20 da FIFA Malásia 1997, quando a Celeste chegou à final, mas foi derrotada pela Argentina e teve de se contentar com o vice-campeonato. Com a seleção principal, disputou a Copa América 2001 e a Copa do Mundo da FIFA Coreia/Japão 2002. Foi revelado pelo Nacional, clube com o qual foi tetracampeão uruguaio antes de ser transferido para o Deportivo La Coruña, onde foi campeão da Copa Intertoto. Após seis temporadas na Galícia, passou a vestir as cores do Málaga, saindo de lá para defender o Levante, onde está há três temporadas.

28/01 — Jamie Carragher (35) fez história no Liverpool, clube ao qual foi totalmente fiel desde 1995, quando iniciou a carreira profissional. Após conquistar seu espaço na equipe principal, faturou duas Copas da Inglaterra, três Copas da Liga e dois Community Shields (disputa entre os campeões da Premier League e da Copa da Inglaterra), e ainda a Liga dos Campeões da UEFA, a Copa da UEFA e duas edições da Supercopa da Europa. Representou a seleção inglesa pela primeira vez na Copa do Mundo Sub-20 da FIFA Malásia 1997, integrando mais tarde o grupo principal e disputando as duas últimas edições da Copa do Mundo da FIFA: Alemanha 2006 e África do Sul 2010.

29/01 — Ivan Klasnic (33) vem desfilando uma qualidade ofensiva memorável no futebol alemão. Iniciou a carreira pelo Sankt Pauli, de onde se transferiu para o Werder Bremen, conquistando a Copa da Alemanha e o campeonato nacional em 2004. Negociado com o Nantes em 2008, acabou passando um ano no Bolton por empréstimo e assinou em definitivo com a equipe inglesa na temporada seguinte. Retornou este ano ao Campeonato Alemão, mais precisamente para vestir a camisa do Mainz. Pela seleção da Croácia, disputou a Copa do Mundo da FIFA Alemanha 2006 e a Euro 2008.

30/01 — Juninho Pernambucano (38) revolucionou para sempre a forma de se bater faltas de longa e média distância. Durante toda a carreira, balançou as redes adversárias de todos os ângulos possíveis com suas famosas e impecáveis cobranças. Revelado pelo Sport, sagrou-se campeão pernambucano e da Copa do Nordeste antes de ser transferido para o Vasco da Gama, onde foi bicampeão brasileiro e campeão carioca. Conquistou também o Torneio Rio-São Paulo e a Libertadores, mas viu a Copa do Mundo de Clubes da FIFA escapar por pouco. Tornou-se ídolo no futebol francês, levando o Lyon ao heptacampeonato nacional de forma consecutiva e faturando ainda uma Copa da França e seis edições da Supercopa da França. Após oito temporadas em gramados franceses, fez as malas para o Catar, onde foi campeão nacional e bicampeão da Copa do Príncipe com o Al Gharrafa. Após uma segunda passagem pelo Vasco, assinou recentemente com o New York Red Bulls. Com a camisa da Seleção, faturou a Copa das Confederações da FIFA 2005 ao bater a Argentina na final e disputou a Copa do Mundo da FIFA Alemanha 2006 e a Copa América 2001.

31/01 — John Collins (45) defendeu o selecionado escocês na Euro 1996 e na Copa do Mundo da FIFA França 1998. No Mundial, fez o primeiro gol da Escócia na estreia diante do Brasil, o que, para sua infelicidade, não foi o suficiente para evitar a derrota. Deu seus primeiros chutes com a camisa do Hibernian, saindo de lá para defender o Celtic, onde conquistou a Copa da Escócia. Tentou a sorte com as cores do Monaco e foi coroado campeão francês, seguindo mais tarde para os ingleses Everton e, mais tarde, Fulham. Depois de pendurar as chuteiras, o ex-meia ofensivo assumiu o comando do clube onde tudo começou, tendo também uma curta passagem à frente do Sporting de Charleroi.

01/02 — Gabriel Batistuta (44) é nada menos que o maior artilheiro da história da seleção argentina, com a qual conquistou duas edições consecutivas da Copa América e a primeira edição da Copa das Confederações da FIFA. Disputou a Copa do Mundo da FIFA em três oportunidades: Estados Unidos 1994, França 1998 e Coreia/Japão 2002, acumulando dez gols marcados. Formado na base do Newell’s Old Boys, vestiu também as camisas de River Plate e Boca Juniors, faturando com este último o Campeonato Argentino. Teve uma guinada na carreira ao se transferir para a Fiorentina, clube que levou à conquista da Série B, bem como da Copa e da Supercopa da Itália. Ídolo em Florença, acabou deixando a cidade para defender o Roma, com quem foi campeão italiano e da Copa da Itália. Após breve passagem pela Internazionale, atuou pelo catariano Al Arabi, onde pendurou as chuteiras. Batigol foi artilheiro da Copa América em duas ocasiões, da Copa das Confederações da FIFA, do Calcio e do Campeonato Catariano. Ficou em terceiro lugar na tábua de goleadores nos Estados Unidos 1994 e na segunda colocação na França 1998. É, até hoje, o maior artilheiro da história da Fiorentina.

02/02 — Gerard Piqué (26) ganhou espaço de destaque como um dos melhores zagueiros do mundo nos últimos anos, em especial por ter sido uma das principais peças da Espanha nas conquistas da Copa do Mundo da FIFA África do Sul 2010 e da Euro 2012.  Antes disso, levara a seleção espanhola à terceira colocação na Copa das Confederações da FIFA 2009. Quando mais jovem, foi campeão da Euro Sub-19 e disputou a Copa do Mundo Sub-20 da FIFA Canadá 2007. Revelado pelo Barcelona, acabou estreando em nível profissional pelo Manchester United, sendo emprestado mais tarde ao Real Zaragoza. No retorno ao clube inglês, foi campeão nacional e ergueu o Community Shield e a Liga dos Campeões da UEFA 2008.  Em busca de suas raízes, voltou à Catalunha e colecionou uma série de títulos com o Barça. Foi tricampeão do Campeonato Espanhol e da Supercopa da Espanha, e bicampeão da Copa do Rei, da Liga dos Campeões da UEFA, da Supercopa da Europa e da Copa do Mundo de Clubes da FIFA, em 2009 e 2011, sob a tutela de Pep Guardiola. Além de todos os feitos dentro das quatro linhas, Piqué acaba de comemorar o nascimento de seu primeiro filho.