Gols, troféus e uma demissão
© AFP

A análise estatística do FIFA.com traz uma semana memorável para Zlatan Ibrahimović, Pablo Escobar, o Bayern de Munique e o Sanfrecce de Hiroshima. Por outro lado, Mauricio Pochettino não teve nada para comemorar.

1407

dias depois de assumir o comando do Espanyol, Pochettino, o treinador mais antigo da liga espanhola, foi demitido nesta segunda-feira. O ex-jogador argentino pagou o pato após o time ter marcado apenas nove pontos nas 13 primeiras rodadas. A demissão torna José Mourinho e Paco Herrera do Celta de Vigo (ambos com 880 dias) os técnicos há mais tempo na liga. Mas a semana não foi boa para Mourinho, que viu o Barcelona colocar 11 pontos de vantagem sobre o Real e estabelecer um novo recorde nacional, marcando pelo menos quatro gols em quatro partidas sucessivas fora de casa. Os catalães também igualaram o recorde do Real Madrid de 37 pontos nos primeiros 13 jogos de 1991/92. Na vitória por 4 a 0 diante do Levante no domingo, Daniel Alves foi o único dos titulares do Barça a não ser prata da casa.

250

gols pelos clubes que já defendeu e 200 tentos em campeonatos nacionais foram os recordes alcançados por Zlatan Ibrahimović na vitória de 4 a 0 do Paris Saint-Germain sobre o Troyes no sábado. O atacante sueco anotou duas vezes, levando a sua marca da temporada a 12 gols em 14 partidas — o melhor início de uma temporada francesa desde Stephane Guivarc'h, que iniciou a campanha de 1995/96 com um registro idêntico. Quem também balançou as redes pelo PSG foi Blaise Matudi, que marcou o gol de número 350 da atual temporada da Ligue 1. O jogador da seleção da França balançou as redes três vezes nesta temporada e, em cada ocasião, a equipe de Carlo Ancelotti venceu por 4 a 0.

42

anos foi o período que a cidade de Hiroshima passou sem um título nacional, mas a espera acabou neste sábado. Na ocasião, o Sanfrecce garantiu o título do Campeonato Japonês e um lugar na Copa do Mundo de Clubes da FIFA com uma vitória de 4 a 1 sobre o Cerezo Osaka, enquanto o Vegalta, a única outra equipe que também estava na briga, perdeu do Albirex por 1 a 0. O título anterior havia sido obtido em 1970, quando o Toyo Kogyo, precursor do Sanfrecce, levantou o caneco do antigo campeonato nacional pela quinta vez. Com a sexta conquista, a equipe de Hiroshima está apenas um troféu atrás de Kashima Antlers e Verdy Kawasaki (atualmente conhecido como Tokyo Verdy) em todos os tempos.

34

pontos e um saldo de 33 gols perfazem o início de temporada recordista do Bayern no Campeonato Alemão. Nenhuma equipe nunca tinha feito campanha tão boa após treze rodadas da liga, e o ímpeto do Bayern não esmoreceu durante o fim de semana, quando derrotou o Hannover por 5 a 0. A goleada foi a quinta do Bayern nesta temporada da Bundesliga por uma margem de pelo menos cinco gols, igualando o recorde de Hamburgo (1980) e Stuttgart (1984). O Bayern também foi um dos três times alemães a se classificarem às oitavas de final da Liga de Campeões da UEFA com uma rodada de antecedência — pela primeira vez desde 2004/05 um trio germânico superou a primeira fase.

6

gols em uma única partida foi a façanha que levou Pablo Escobar às manchetes desta semana, confirmando o Strongest no topo da tabela do Campeonato Boliviano. O feito do experiente artilheiro foi alcançado em uma vitória de 7 a 2 sobre o Aurora. Como já era de se esperar, a atuação deixou Escobar na artilharia do certame, com 18 gols. O jogador também chegou muito perto de igualar o recorde nacional, de autoria de Juan Carlos Sánchez, que marcou sete gols em uma única partida em 1983. Aos 34 anos, o paraguaio naturalizado boliviano demonstrou surpresa. "Eu nunca tinha feito seis gols no mesmo jogo antes, nem mesmo em jogos entre amigos", admitiu. O feito de Escobar não foi o único destaque da partida. Um dos gols de consolação do Aurora foi marcado por Pedro Mauricio Baldivieso Ferrufino, que, aos 16 anos e 126 dias, foi o jogador mais jovem a balançar as redes em um jogo de campeonato nacional de primeira divisão na última semana.