Há cerca de uma década, a craque brasileira Marta começava a brilhar na Copa do Mundo Feminina Sub-20 da FIFA 2002, mostrando pela primeira vez a sua categoria no cenário mundial. Então com apenas 16 anos, a atacante marcou seis gols em seis partidas e levou a seleção brasileira à quarta colocação no torneio.

Dois anos mais tarde, a habilidosa jogadora de 1,62 metro voltou a mostrar o seu talento na Copa do Mundo Feminina Sub-20 da FIFA 2004. Ela marcou três gols e foi eleita a melhor jogadora da competição.

Desde então, Marta se tornou talvez a maior jogadora de todos os tempos, mesmo que não tenha sido eleita a melhor do ano passado, honra que coube à japonesa Homare Sawa. Antes disso, ela havia sido considerada a melhor do mundo em cinco anos consecutivos, de 2006 a 2010. No entanto, embora tenha disputado três Mundiais Femininos e três Olimpíadas, Marta ainda não conquistou um grande título pelo Brasil.

Nesta edição do Vídeo da Semana, o FIFA.com observa de perto a carreira da jogadora de 26 anos. Em entrevista ao site oficial da entidade máxima do futebol, Marta falou sobre o seu começo no futebol, quando jogava bola na rua, e também dos seus maiores êxitos com a camisa da Seleção.