Blatter: “Manteremos o formato com 24 seleções”
© Getty Images

Na manhã da final da Copa do Mundo de Futsal da FIFA Tailândia 2012, o presidente da FIFA, Joseph S. Blatter, participou de uma entrevista coletiva no escritório central da entidade em Bangcoc. O FIFA.com conferiu o que foi dito e faz um resumo das principais declarações dos participantes.

Joseph S. Blatter, presidente da FIFA
Gostaria de dar um enorme “obrigado” à Tailândia. Este país é conhecido como a terra dos sorrisos, e sua hospitalidade é excepcional. A família internacional da FIFA ficou feliz de estar aqui nas últimas três semanas. Quanto ao torneio em si, é a primeira vez que o disputamos com 24 seleções. Este é o formato certo e continuaremos com ele no futuro. Também gostaria de agradecer Suwat Liptapanlop e a equipe organizadora local. Eles tiveram um grande desafio nas mãos e souberam lidar bem com ele. O futsal é jogado em todas as partes do mundo. Como não existe muito espaço ao ar livre em alguns países para praticar o futebol, então é preciso jogar em um espaço fechado. Eu mesmo me lembro de jogar futsal durante o inverno em minha infância na Suíça. É importante que, nas várias federações afiliadas à FIFA, sejam organizados campeonatos de futsal para desenvolver o esporte ainda mais. Deveríamos começar a desenvolver o futsal em nível nacional e no das confederações. Seria um primeiro passo para o desenvolvimento do esporte.

Sobre a possível inclusão do futsal nos Jogos Olímpicos
Já tentamos levar o futebol de areia para a Olimpíada, já que poderíamos usar os mesmos estádios usados para o vôlei de praia. No futebol, já estamos em uma situação privilegiada, com 28 seleções – 12 femininas e 16 masculinas – disputando os dois torneios. A demanda está aumentando e o futsal é uma das modalidades que estamos tentando incluir nos Jogos. Mas, por ora, estamos na lista de espera.

Manilal Fernando, presidente do Comitê de Futsal da FIFA
Sobre competições femininas e juvenis de futsal
O Comitê de Futsal recebeu uma proposta para tentar adotar competições femininas de futsal. Vamos estudá-la detalhadamente. Até agora, ainda não pudemos olhar para a estrutura juvenil. Precisaremos de um pouco mais de tempo para isto.

Suwat Liptapanlop, presidente do Comitê Organizador Local
Foi uma verdadeira honra organizar esta Copa do Mundo. Ela incentivou o desenvolvimento na Tailândia, criou uma imagem positiva do país e trouxe alegria à população. Aprendemos nossas lições com este torneio e queremos organizar eventos ainda maiores no futuro.

Worawo Makudi, presidente da Federação Tailandesa de Futebol (FTF)
Em nome da FTF, gostaria de agradecer ao presidente da FIFA por trazer a iniciativa Football for Hope a uma área politicamente conturbada no sul da Tailândia (Pattani, Yala, Narathivas, Sonkhla), para que o futebol possa ajudar a superar os problemas na região e fazer as pessoas se conectarem, tanto entre os jovens quanto nas categorias principais. É um sinal muito bom para a Tailândia.