Decisão com ares de tira-teima
© Foto-net

Após 17 dias e 50 partidas disputadas, a grande final da Copa do Mundo de Futsal da FIFA Tailândia 2012 será realizada no domingo, quando a Espanha e o atual campeão Brasil brigarão pelo troféu mais cobiçado da disciplina. Antes de os finalistas entrarem em quadra, porém, Itália e Colômbia se enfrentam na decisão do terceiro lugar. Enquanto a Azzurra buscará o segundo bronze consecutivo, a estreante seleção colombiana espera voltar a fazer história em solo tailandês. 

A final
Espanha x Brasil, Bangcoc, Ginásio Huamark, 18 de novembro, 19h30 (hora local)

O jogo promete ser um banquete para os fãs de futebol de salão nos quatro cantos do globo, já que as duas melhores equipes do planeta entrarão em quadra repletas de astros para este verdadeiro duelo de titãs. Os brasileiros disputarão a sexta final de Mundial e esperam chegar ao pentacampeonato, quebrando o próprio recorde. Já a Espanha, que conquistou o título nos dois únicos Mundiais em que o Brasil não venceu, disputará a decisão pela quinta vez.

Os espanhóis fizeram uma campanha relativamente tranquila a caminho da final. Depois de terminarem na liderança do Grupo B, à frente de Irã, Panamá e Marrocos, eles eliminaram a anfitriã Tailândia nas oitavas e passaram pela forte Rússia nas quartas. Para garantirem presença na decisão, venceram a Itália na semi.

Já a Seleção Brasileira dominou o Grupo C, que disputou ao lado de Portugal, Japão e Líbia, e avançou com uma confortável goleada sobre o Panamá no primeiro mata-mata. O teste mais díficil foi justamente nas quartas de final contra a Argentina, quando o país precisou da prorrogação para concretizar uma dramática virada sobre a rival. Em seguida, a equipe canarinho eliminou a Colômbia para continuar sonhando com a taça.

Disputa pelo 3º lugar
Itália x Colômbia, Bangcoc, Ginásio Huamark, 18 de novembro, 17h30 (hora local)

Esta é a segunda vez consecutiva que os italianos ficaram muito perto de chegar à final, e o técnico Roberto Mennichelli está disposto a assegurar o bronze para dar continuidade à evolução do esporte na Bota. Contudo, os colombianos mostraram um poder de superação impressionante na Tailândia 2012 e certamente darão trabalho aos europeus.

De fato, o conjunto sul-americano foi a grande revelação do Mundial. Depois de se classificar no Grupo F, a Colômbia eliminou o favorito Irã nas oitavas de final e aprontou a maior surpresa do torneio ao derrotar a Ucrânia na fase seguinte. O páreo foi duro demais diante dos campeões do mundo na semi, mas os colombianos, que participam da Copa do Mundo de Futsal da FIFA pela primeira vez, estão determinados a fechar a campanha histórica com um lugar no pódio.

Embora já tenham superado todas as expectativas, o técnico Arney Fonnegra insistiu que os debutantes não darão trégua à Itália. "Temos chance de ficar com o terceiro lugar e precisamos tentar garanti-lo", avisou o colombiano.

Fique de olho
Todos os olhares estarão voltados para o ala Fernandinho, cujos sete gols em quadras tailandesas fazem dele o vice-artilheiro do Mundial. Além disso, o brasileiro registra sete assistências no torneio, comprovando ser uma arma perigosa da equipe comandada por Marcos Sorato. O arqueiro espanhol Juanjo vai precisar mostrar tudo o que sabe para parar o camisa 10 da Seleção, que deve jogar ao lado de Gabriel, Simi, Neto e do goleiro Tiago.

O número
4 — A final da Tailândia 2012 será a quarta em que Brasil e Espanha competirão pelo título mundial de futsal. A primeira foi na Espanha 1996, quando os brasileiros derrotaram os donos da casa. Os espanhóis deram o troco quatro anos mais tarde, na Guatemala. Já a decisão do Brasil 2008 foi o duelo mais acirrado até o momento, com a vitória canarinho nos pênaltis.

O que eles disseram
"O jogo contra o Brasil é uma reedição da última final. Sabemos que temos um bom time, mas também conhecemos os nossos limites. Vai ser bastante equilibrado." Juanjo, goleiro da Espanha

Programação
Domingo, 18 de novembro (hora local):
Itália x Colômbia, 17h
Espanha x Brasil, 19h30