Um caçula e três veteranos
© Foto-net

A surpreendente Colômbia se prepara para disputar as semifinais da Copa do Mundo de Futsal da FIFA pela primeira vez na história. Estreante em Mundiais, o país encontrou seu espaço entre os gigantes Brasil, Espanha e Itália, e terá de dar o sangue se quiser chegar à grande final.

Enquanto a Itália enfrenta a Espanha, reeditando a semifinal da última Euro de Futsal e da Copa do Mundo de Futsal da FIFA Brasil 2008, os dois conjuntos sul-americanos se enfrentam pela primeira vez na principal competição da disciplina.

O jogo do dia
Itália x Espanha, Ginásio Huamark, 16 de novembro de 2012, 17h (hora local)
O confronto, que já se transformou em um grande clássico da Copa do Mundo de Futsal da FIFA, é uma reedição da semifinal do Mundial de 2008. Na oportunidade, quem riu por último foi a Espanha, que venceu por 3 a 2 já na prorrogação. Na disputa por uma vaga na final da última Euro de Futsal, mais uma vez a festa foi espanhola, desta vez com vitória pelo placar de 1 a 0.

Nesta edição, os italianos passaram a duras penas por Portugal, já que chegaram a estar perdendo por 3 a 0 antes de virarem para 4 a 3 na prorrogação. Já a Fúria venceu de forma convincente a Rússia, considerada uma das favoritas ao título.

As duas seleções contarão com elencos completos para a disputa, dando sinais de que este será um encontro emocionante do início ao fim. Torras e seus companheiros tentam chegar à decisão pela quinta vez consecutiva, ao passo que os italianos, liderados por Saad Assis, buscam dar o troco pela final na China Taipei 2004, quando foram derrotados por 2 a 1.

E o que mais?
Com vasta experiência na elite do futsal mundial, o atual campeão Brasil larga como grande favorito diante da Colômbia, que já havia surpreendido ao passar no sufoco pela primeira fase. A verdade é que pouquíssima gente apostaria que os colombianos eliminariam o Irã nas oitavas de final, quanto menos a Ucrânia nas quartas.

Já os brasileiros tiveram de contar com a qualidade individual de Falcão para virar o jogo para cima da Argentina nas quartas de final, vencendo por 3 a 2 na prorrogação. Mais uma vez, todas as esperanças estarão depositadas sobre o ídolo internacional, que vem recuperando a forma pouco a pouco depois de voltar de uma lesão sofrida na estreia.

Por outro lado, a Seleção não conta com Jé, expulso contra os argentinos, enquanto os colombianos não terão Yefri Duque. Pelo menos do lado hispânico do confronto, a baixa não parece mudar os planos. "Agora, por que não sonhar com a mesma coisa diante do Brasil?", indagou ao FIFA.com o técnico da Colômbia, Arney Fonnegra.

Fique de olho
Com a eliminação da Rússia nas quartas de final, o brasileiro naturalizado russo Éder Lima não pode mais aumentar a sua contagem na briga pela artilharia. Com isso, o caminho fica livre para o italiano Fortino, que já balançou as redes em seis oportunidades e foi responsável por três assistências a gol. O atacante de 29 anos está entre os três jogadores que marcaram em três partidas consecutivas na Tailândia 2012 — os outros são o brasileiro Neto e o russo Sirilo.

O número
7
— São as participações do Brasil nas semifinais da Copa do Mundo de Futsal da FIFA, o que faz da seleção canarinho a única a ter figurado entre os quatro melhores em todas as edições do torneio desde a sua criação, em 1989. A Seleção é seguida pela Espanha, que disputará a sexta semifinal. Já a Itália chega a esta fase pela terceira vez na sua história. Vale notar ainda que a Colômbia repete os feitos de Ucrânia, Irã e Portugal, tornando-se o quarto país a se classificar para a semifinal logo na primeira participação em Mundiais.

O que eles disseram
"Imagino que teremos um jogo fechado como diante da Rússia e como na semifinal da última Euro. Mas acredito que iremos conseguir nos impor mais uma vez." Venancio López, técnico da Espanha

Programação
Sexta-feira, 16 de novembro (hora local):
Itália x Espanha (Bangcoc, Ginásio Huamark, 17h)
Brasil x Colômbia (Bangcoc, Ginásio Huamark, 19h30)