Cabo Verde arranca empate na estreia
© AFP

A estreia da anfitriã África do Sul na Copa Africana de Nações não foi como o torcedor esperava. O time sofreu com a correria imposta pela seleção de Cabo Verde, que realizava sua primeira partida na história da competição, e amargou um empate sem gols no primeiro jogo da 29ª edição do torneio.

A partida foi realizada no imponente Soccer City, palco da abertura e da final da Copa do Mundo da FIFA de 2010. No entanto, repleto de cadeiras vazias, o estádio localizado em Joanesburgo não empolgou os Bafana-Bafana e foi tomado pela apreensão da torcida local.

A África do Sul se viu perdida em campo e quase sofreu o gol no primeiro tempo. Após passe em profundidade, o ataque de Cabo Verde, liderado por Héldon e Ryan Mendes, do Lille, ficou de cara para a meta amarela e conseguiu a proeza de chutar para fora. O time conseguiu criar mais duas boas chances e isolou a oportunidade de deixar os anfitriões em desvantagem.

O rendimento dos donos da casa só foi melhorar no segundo tempo. A equipe conseguiu impor o seu estilo de jogo no meio-campo e não sofreu mais com as investidas adversárias. O entrave para os Bafana-Bafana foi a dificuldade de trocar passes no ataque e furar o bloqueio imposto por Cabo Verde.

Com o ponto somado para cada lado, as seleções voltarão a treinar ao longo da semana para o próximo compromisso na Copa Africana. A África do Sul enfrentará Angola na próxima quarta-feira, no estádio Moses Mabhida. Já Cabo Verde medirá forças com o Marrocos no mesmo dia e local do jogo dos Bafana-Bafana.

Nada de gols
Mais tarde, foi a vez de Angola e Marrocos, em jogo também válido pelo Grupo A do torneio, protagonizarem outro 0 a 0 neste sábado. No jogo que fechou o primeiro dia da Copa Africana de Nações, os dois times pareceram sentir os efeitos da chuva e o clima frio de Johanesburgo, mas Marrocos mostrava mais iniciativa buscando o atacante El Hamdaoui, dono de chutes perigosos.

Angola mantinha uma postura de se fechar na defesa para tentar abrir o placar em contra-ataques, e na retaguarda contava com uma atuação segura do goleiro Lama. Nos últimos minutos, os angolanos chegaram perto de balançar as redes, mas falharam.

Neste domingo, Gana enfrenta Congo e Mali duela contra Níger. O campeão da competição participará da Copa das Confederações da FIFA marcada para junho, no Brasil.