Eleição para o Comitê Executivo da FIFA tem quatro candidatas
© Getty Images

Quatro mulheres apresentaram candidaturas para se tornar a 25ª integrante do Comitê Executivo da FIFA no próximo congresso da entidade, que se celebrará nas Ilhas Maurício nos dias 30 e 31 de maio. O mandato será de quatro anos.

Uma revisão dos Estatutos da FIFA foi aprovada em votação no Congresso da entidade de 2012, em Budapeste, para que uma nova integrante do Comitê Executivo, uma mulher, fosse indicada. Essa decisão foi tomada no contexto do processo de reforma da FIFA, após uma proposta feita pelo presidente da organização, Joseph S. Blatter, no Congresso de 2011 em Zurique.

Todas as confederações afiliadas à instituição que dirige o futebol mundial tiveram até o último dia 31 de janeiro para apresentar sua candidata. Quatro delas propuseram nomes para a eleição deste ano no Congresso da FIFA. São elas: Moya Dodd, pela AFC; Lydia Nsekera, pela CAF; Sonia Bien-Amie, pela CONCACAF; e Paula Kearns, pela OFC.

Nsekera, presidente da Federação Burundinesa de Futebol e integrante dos comitês de Futebol Feminino e da Copa do Mundo Feminina da FIFA, além do Comitê Organizador dos Torneios Olímpicos de Futebol, vem fazendo parte do Comitê Executivo como convidada desde o Congresso de 2012.