Atividades

Desde a implementação do piloto do programa, em 2008, até o começo de 2011, a FIFA organizou quase 200 atividades em cerca de 70 países.

A participação no programa PERFORMANCE implica um comprometimento duradouro da FIFA e da federação afiliada. O primeiro passo é uma avaliação das necessidades da federação e uma revisão estratégica da sua organização e das suas prioridades. Depois disso, atividades específicas e objetivas são identificadas e organizadas.

O ponto de partida do programa é uma revisão organizacional que representa uma espécie de "ponto zero" para o desenvolvimento da federação: é o momento de definir as prioridades de curto e médio prazos da entidade, em colaboração com a FIFA e seus especialistas, tanto no campo estratégico e administrativo quanto na área técnica.

Para tanto, o programa PERFORMANCE dá início a uma parceria estreita  entre a rede de especialistas em gestão e a rede de especialistas técnicos da FIFA a fim de proporcionar uma ação estudada e criar sinergia entre as áreas de intervenção.

Por exemplo: a área do desenvolvimento das ligas nacionais e clubes de elite exige competências em gestão do futebol e em desenvolvimento técnico — formação de treinadores, organização de competições, marketing, gestão, etc.